O que saber sobre Diagnóstico financeiro

Compartilhe

O que saber sobre Diagnóstico financeiro

02 de outubro, 2017 - por

Suas mãos chegam a tremer e a cabeça a suar quando escuta o convite “Vamos fazer um diagnóstico financeiro da sua empresa?” Se a sua resposta foi positiva, com certeza tal reação se deve ao fato de que você sabe que aí existem alguns problemas!

O setor financeiro da empresa é sem dúvida um dos mais importantes, afinal, qualquer tipo de negócio é criado para dar fins lucrativos. O resultado final encontrado mês após mês, entretanto, leva em conta muito mais do que as entradas, algo que nem sempre o gestor está preparado para lidar.

Por mais que pareça estranho, acredite, muitos empresários focam exclusivamente no que precisam receber, porém menosprezam ou se esquecem completamente daquilo com que precisam arcar. Quando param para fazer um diagnóstico financeiro empresarial a situação já está crítica!

Por mais que as entradas estejam sendo boas, é comum que se perceba que não são suficientes a ponto de suprir todos os compromissos da empresa e nessas horas observa-se que é grande a possibilidade de a empresa simplesmente quebrar.

O que fazer nessas circunstâncias? Procurar um diagnóstico financeiro com certeza é um dos primeiros e mais decisivos passos neste instante!

 

Para que serve o diagnóstico financeiro de uma empresa?

Saber quanto você tem na sua conta corrente ajuda na hora de se decidir sobre uma compra ou outra? Conhecer seus limites de crédito possibilita que você se planeje melhor no que se refere ao futuro próximo ou até de longo prazo?

É claro que sim! E se tais dados impactam muito no dia a dia pessoal, imagine dentro de uma empresa em que os montantes e valores são muito maiores e provenientes de diversos lugares!

O diagnóstico financeiro é a ferramenta que garante que a empresa jamais fique na escuridão no que se refere aos números!

Além de servir para nortear planejamentos estratégicos, esta avaliação detalhada previne que a empresa venha a se colocar, por exemplo, em situações de crise ou risco. Daí a importância de se investir neste diagnóstico!

 

Diagnóstico financeiro passo a passo: Confira!

Conhecer em detalhes o diagnóstico financeiro empresarial não é apenas uma oportunidade, mas também uma obrigatoriedade para todo bom empresário que deseja planejar e antever o futuro de seu empreendimento.

Justamente por isso, mais do que desenvolver uma avaliação dessas, é indispensável dar a ela certa regularidade e acompanhamento a fim de que o diagnóstico se mantenha sempre preciso e bastante adequado a realidade corporativa de cada negócio.

Mas, o que deve ser considerado por um simulador diagnóstico financeiro, no fim das contas? Quais pontos devem ser destacados por esta avaliação?

 

7 passos para o diagnóstico financeiro

Confira a seguir alguns dos números, saldos e dados que devem integrar esta análise e entenda por que ela é tão indispensável a sua rotina financeira.

 

  1. Determine o faturamento

Qual o faturamento da empresa? Este é o primeiro passo para iniciar o diagnóstico financeiro! Determinar isso é bastante simples uma vez que você tenha acesso aos últimos números feitos pela empresa;

  1. Conheça a soma gasta com competências

Como já foi dito, nem só de entradas se faz uma empresa, por isso mesmo é importante que você saiba também quais são os gastos com competências dentro do ambiente interno como pagamento de salários e treinamentos;

  1. Destaque saldos a receber

Você sabe exatamente tudo o que tem a receber na sua empresa? Que tal destacar no diagnóstico financeiro então contrastando os valores do mês anterior com os do último mês que já foi fechado;

  1. Veja as despesas do estoque

Da mesma forma, avalie tudo o que envolve as despesas do seu estoque. Quanto custa para mantê-lo ativo e saudável? Quais são os investimentos mensais para que o seu giro esteja sempre em alta, mantendo-se atrativo para os seus clientes;

  1. Confira o valor a pagar

Quais são os compromissos e débitos a serem liquidados pela empresa pelos próximos dias e meses? Esses pagamentos são referentes a investimentos, quitação de débitos com fornecedores ou referentes à que? Confira cada centavo no seu diagnóstico financeiro;

  1. Elenque outros gastos e despesas

Salários, impostos e contribuições diversas também fazem parte da planilha de gastos de um empreendimento e, portanto, não devem ficar de fora desta avaliação completa sobre o financeiro;

  1. Acompanhe o resultado final

Por fim, não menos importante, acompanhar o resultado final do diagnóstico financeiro deve significar comprometimento com todo o planejamento da empresa. Veja os resultados apresentados e trace estratégias para melhorá-los conforme sua necessidade específica.

 

Simulador de diagnóstico econômico financeiro: Use o Ideia!

Agora que você já sabe da gigantesca importância em trabalhar com um bom diagnóstico financeiro, aproveite para conferir no Ideia Consultoria e Treinamento um diagnóstico que pode e vai lhe auxiliar dentro deste setor.

Acesse agora mesmo e faça a avaliação financeira do seu empreendimento! Descubra aqui como e quando melhorar esse importante setor e acabe com suas dúvidas referentes a esse tipo de diagnóstico!

 

Deixe seu comentário

© 2017 - Direitos reservados a Ideia Consultoria

Clickweb Agência Digital